Pare, pense, VIVA…

ESTA É A SUA VIDA

SE VOCÊ NÃO GOSTA DE ALGO mude-o.

SE VOCÊ NÃO GOSTA DE SEU TRABALHO, SAIA. Faça o que você ama, e faça com freqüência

SE VOCÊ NÃO TEM TEMPO SUFICIENTE, pare de assistir TV.

SE VOCÊ ESTÁ PROCURANDO O AMOR DE SUA VIDAPARE;

Ele estará esperando por você quando você começar a fazer as coisas que você ama.

Pare de analisar demasiadamente. A vida é simplesTodas as emoções são belas. Quando você comer, aprecie cada mordida

Abra sua mente, braços, e coração para coisas novas e pessoas. Somos todos unidos nas nossas diferençasPERGUNTE a próxima pessoa que você encontrar QUAL é sua paixão e compartilhe seus sonhos inspiradores com ELES.

Viage com freqüência;  ficar perdido o ajudará a encontrar-se. Algumas oportunidades só virão uma vezaproveite-as.

A VIDA deve ser baseada nas pessoas que você conhece e nas coisas que juntos criarão, então saia e comece a CRIAR.

A vida é curtaViva o seu sonho e compartilhe a sua PAIXÃO.

 

Advertisements

Mais um dia em Paraty…

Esses não tem sido dias comuns, acho que em Paraty nenhum dia é comum…

 Viver aqui tem me ensinado a ponderar melhor a vida, a pensar e entender o que realmente vale a pena. O mundo parece mesmo estar de cabeça para baixo, e parece que eu estou vivendo com “pause” ligado. Desplugado de tudo e de todos…  (pra não virar bicho grilo de vez em quando  vejo TV e entro na net, afinal blogar é bom)

 Hoje enquanto almoçava ouvi que em São Paulo não se tem paz nem mesmo para assistir um jogo do Brasil numa noite de quarta feira, mais um arrastão e lá se vai a alegria do “pobre”, e as carteiras, bolsas, cartões de crédito e o salário suado…

 Como hoje foi meu dia de folga fui a praia pela manhã. Caminhei, ouvi música, refleti. Tomei um guaraná e um pouco de sol na mulera. Isso mesmo, sol em pleno inverno e sol quente!!!! (se é que tem como o sol ser frio, mas você entende o que eu quero dizer)

 Fiquei imaginando a correria nesse mundão de meu Deus. Enquanto eu estava ali sentado na espreguiçadeira. Será que isso tudo vale mesmo a pena? O que, você pergunta… deitar na espreguiçadeira na praia e tomar um guaraná, ou a correria desse mundão? Sei lá, pergunte se a si mesmo… Talvez encontre respostas para dúvidas como eu tenho encontrado.

 Voltei caminhando pra cidade, encontrei com uma amiga na rua, trocamos algumas palavras, fui ao banco, o cheque não tinha fundo, vou tentar de novo amanhã… Comprei uma presente pra minha irmã e voltei pra casa. Tomei um banho e já era…

 …mais dia se acaba em Paraty, com a tranqüilidade de uma gente que ainda dá bom dia quando passa por você na rua, de barqueiros e pescadores que saem cedo e voltam tarde com muito ou pouco peixe mas sempre um sorriso no rosto.

 Sim, ainda existem lugares assim, onde a vida vale a pena ser vivida de forma simples e agradável. E ao final do dia a assinatura fica gravada no céu, por alguns instantes, afinal de contas amanhã tem mais, porque em Paraty nenhum dia é apenas mais um dia…  

E hoje a noite é noite de lua cheia!!!